1ª edição da Jornada de Turismo Social no SESC de Cacupé em Florianópolis (SC).

Evento internacional em Florianópolis discute inclusão social e democratização na área do turismo.

Florianópolis, um dos melhores destinos turísticos do país, será a sede da primeira Jornada de Turismo Social, nos dias 28 e 29 de outubro, no Hotel Sesc Cacupé. Realizado pelo Serviço Social do Comércio em Santa Catarina sob o tema “Transformando pessoas e lugares”, o evento trará uma reflexão sobre a evolução do segmento, com foco na democratização e inclusão social, contribuindo para a ampliação das ações no Brasil.



A abertura nesta segunda-feira (28), será às 10 horas. Entre as autoridades confirmadas para a solenidade estão: Vinicíus Lummertz, Secretário Nacional de Políticas de Turismo, do Ministério de Turismo; Valdir Walendowsky, Secretário de Estado de Turismo, Cultura e Esporte; e João Eduardo Amaral Moritz, Presidente da Câmara Empresarial do Turismo.



O evento internacional reunirá palestrantes como Sergio Abitia (México), Verônica Gomez (Canadá) e Ana Lince Amaral (Portugal), além de pesquisadores e profissionais brasileiros como Margarita Barretto, Daniele Lima Gelbcke (do Projeto Acolhida na Colônia), Fabíola Martins (IFSC) e Bernardo Lazary (UFF). Em conferências, palestras e painéis, serão apresentadas iniciativas de sucesso no contexto mundial, além de temáticas relacionadas à democratização do turismo, ao desenvolvimento local e sustentável, educação pelo turismo e inclusão social. Ao mesmo tempo, serão debatidas as práticas não convencionais promotoras do turismo, através da apresentação de cases de sucesso do Sesc. As inscrições podem ser realizadas pelo site www.portal.sesc-sc.com.br/jornadaturismosocial.



A programação inicia com a conferência “Por uma visão humanista e social do Turismo”, apresentada por com Verónica Gomez Aguirre, da Secretaria para as Américas da Organização Internacional de Turismo Social (OITS). Ela abordará a importância do turismo como instrumento de inclusão social, cultural e econômico e da ação educativa para a humanização da atividade e equilíbrio entre as partes inseridas.



Outro destaque é o painel “O turismo como indutor de desenvolvimento local e de sustentabilidade” que apresentará os cases da Estância Ecológica do Sesc no Pantanal e do premiado projeto catarinense Acolhida na Colônia. No Pantanal, a hospedagem está localizada em uma área de preservação ambiental, com padrões sustentáveis e infraestrutura de empreendimento internacional, propiciando o equilíbrio e fomento da economia da região. Já a Acolhida na Colônia, valoriza o modo de vida no campo e transformou pequenas propriedades sem perspectiva de sustentação em acolhedoras estações de turismo rural e agricultura ecológica.



Também estará em debate, a inclusão de públicos prioritários através do Turismo Social, tendo em vista que a indústria ainda está despreparada para atender idosos, portadores de necessidades especiais, analfabetos, obesos. Experiências de Turismo Social no Brasil, cenários e desafios, completam a programação.





Confira mais detalhes do evento



I Jornada de Turismo Social

Data: 28 e 29 de outubro

Local: Hotel Sesc em Cacupé – Florianópolis

Informações e inscrições: portal.sesc-sc.com.br/jornadaturismosocial

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Roteiro da Viagem, - Destino Gramado, entre a Serra Catarinense e a Gaúcha.

Praias de nudismo em Santa Catarina

Você sabe o que é Curanto? Vá provar em Bariloche!