Fala-se tanto em sustentabilidade no turismo:

Tem a ver com durável... Sustentável que dura muito tempo e se sustenta por muito tempo. Foi a partir da década de 60, onde o novo conceito de desenvolvimento começou a consolidar-se, chamando então atenção à comunidade internacional para os limites de desenvolvimento econômico do planeta.

E esse modelo que está diretamente relacionado, visa exatamente o controle que deveríamos ter, enquanto risco com o consumo e seus afeitos negativos da acumulação, do desperdício e da da degradação ao meio ambiente.

Afinal que é Turismo Sustentável: “Uma forma de manter essa infraestrutura sem atitudes ofensivas ao meio ambiente”. É Criando projetos educacionais de conscientização, mobilização e da importância do porque se preservar. Atendendo às necessidades dos turistas e dos locais que os recebem de maneira simultânea, fazendo o necessário para atender a economia, a sociedade e o meio ambiente sem desprezar sua cultura regional, adversidades biológicas e os sistemas ecológicos que coordenam a vida.

Não é fácil estruturar um projeto de turismo sustentável, e muito menos colocá-lo em prática, pois exige atitudes ambientalistas, regras de utilização dos recursos naturais, e um pensamento ecológico, o que se contrapõe ao encontrado hoje na maioria dos lugares.

Iniciativa Sustentável

Após entender sobre a necessidade deste sistema, cada indivíduo precisa conscientizar sobre a importância de suas atitudes refletirem a sustentabilidade. Mas, como ajudar? Veremos que agir de forma sustentável é muito simples, mas seu impacto no meio ambiente é muito significativo. Portanto, é preciso o interesse de toda sociedade.

Evitar o desperdício da água é uma iniciativa simples e sustentável. Muitas pessoas desperdiçam água diariamente. Entretanto, a atitude de controlar o consumo é vital para um mundo melhor. Evita-se o desperdício ao fechar a torneira no momento da escovação dos dentes. No banho, ao ensaboar o corpo sem o chuveiro ligado. Nas atividades domésticas, lavar a louça sem a torneira ligada e evitar lavagens demoradas, como terreiro e passeio.

Consertar vazamentos, evitar o desperdício de energia elétrica, não jogar lixo na rua, utilizar sacolas ecológicas ou recicláveis, reutilizar plásticos e outros materiais na confecção de produtos artesanais, todas essas ações são benéficas para o meio ambiente. Se cada indivíduo proceder baseando-se nessas orientações, certamente o planeta terá outro fim.

Falta de Consciência no turismo....temos ainda, um longo caminho a percorrer.

Algumas pessoas agem completamente contrárias a essas orientações. Desrespeitam o ambiente e desconsideram a atual situação do planeta. Esses indivíduos jogam lixo no chão das ruas, tomam banhos demorados, dispensam telefones celulares e pilhas em lixos comuns, e fazem muitas outras degradações. Vale lembrar: para um mundo mais sustentável é necessário o empenho de todos, e não de determinados grupos.
Jorn. Mariza Ortiz Carvalho











Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Roteiro da Viagem, - Destino Gramado, entre a Serra Catarinense e a Gaúcha.

Praias de nudismo em Santa Catarina