CHEGADA DE NAVIO DE CRUZEIRO A BALNEÁRIO CAMBORIÚ “TEM IMPACTO NACIONAL”, DIZ PRESIDENTE DA EMBRATUR

MSC Preziosa atracou pela primeira vez na região e agora entra na rota dos navios de cruzeiro nos mares do Sul
Carlos Metzner Silva (vice-prefeito BC), Vinicius Lummertz (Embratur), Júlio Tedesco (Marina Tedesco),
Fabricio Oliveira (prefeito BC), Marco Massa (comandante) e Adrian Ursilli ( MSC)

“Balneário Camboriú é a primeira cidade do litoral catarinense a entrar definitivamente na rota dos navios de cruzeiro no Sul do Brasil, trazendo mais desenvolvimento, negócios, emprego e renda para esta região”, afirmou o presidente da Embratur, Vinicius Lummertz, nesta quinta-feira (6), na solenidade de troca de placas que marcou a chegada do MSC Preziosa, primeiro navio de cruzeiro a atracar na cidade.

O navio trouxe mais de três mil turistas, que desembarcaram pela manhã e foram se divertir em atrações da região, como o parque Beto Carrero, o parque Unipraias e o teleférico. “É um momento histórico, que impacta o próprio turismo nacional num momento em que a economia precisa deste setor para alavancar o desenvolvimento do nosso País”, destacou Lummertz, que anunciou também batimetrias em baías de outras cidades catarinenses para permitir a atracação de navios de cruzeiro. “Já temos a garantia do ministro do Turismo, Marx Beltrão, de fazer o trabalho em Florianópolis e poderemos estender também para Porto Belo, São Francisco do Sul e Imbituba”, disse o presidente da Embratur.

O MSC Preziosa pode abrigar até 3.502 passageiros, tem 1.400 tripulantes e sua altura equivale a um prédio de 22 andares. O comandante do navio, Marco Massa, fez a troca de placas com o presidente da Embratur, num ato que é tradicional quando um navio de cruzeiro chega pela primeira vez à cidade. “Este é um momento histórico, porque foi uma luta de mais de 10 anos de lideranças desta cidade, a exemplo de Júlio Tedesco, proprietário da Marina Tedesco, que construiu as obras de infraestrutura que possibilitaram um navio desse porte atracar aqui, construindo um novo tempo para Balneário Camboriú, para Santa Catarina e também para o turismo nacional”, disse Lummertz.

No seu agradecimento durante a solenidade, o diretor-geral da MSC no Brasil, Adrian Ursilli, concordou que realmente é um momento histórico, porque se vive a redenção dos navios de cruzeiro no Brasil, que foram seriamente afetados pela crise. E acabaram se transferindo para a China, Oriente Médio e até para Cuba. “Esta atracação feita hoje aqui em Balneário Camboriú é a pedra fundamental do retorno dos investimentos no nosso setor, que teve uma queda nos últimos anos de 20 navios para apenas sete, e uma queda de faturamento de R$ 4 bilhões para R$ 1,7 bilhão. É hora de retomar e, na próxima temporada, queremos ter mais um navio para atender a demanda”.

Para se ter uma ideia do que será a presença da MSC na cidade, Ursilli informou que serão distribuídos três milhões de catálogos pelo mundo para mostrar a beleza e as atrações de Balneário Camboriú, e que também haverá divulgação, dentro de navios, em todos os continentes.

O presidente da Marina Tedesco, Júlio Tedesco, reportou os 10 anos de luta para conseguir implantar o terminal para navios de cruzeiro. “São vocês da MSC, tripulantes e também os passageiros, que vão dizer se esta foi uma boa luta”, afirmou Tedesco. Já o prefeito de Balneário Camboriú, Fabrício Oliveira, contou que a cidade está em festa, comemorando nas ruas e nas redes sociais a chegada deste navio. “Somos a capital catarinense do turismo, mas faltava a chegada dos turistas pelo mar. A autoestima dos nossos cidadãos está lá em cima, é um novo tempo para a nossa cidade e para toda essa região de Santa Catarina, tão cheia de atrações”.

www.embratur.gov.br
www.twitter.com/Embraturnews
www.facebook.com/EmbraturBrasil



Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Praias de nudismo em Santa Catarina

Roteiro da Viagem, - Destino Gramado, entre a Serra Catarinense e a Gaúcha.

A importância da fotografia no turismo